02/02/2001 - R.Ferreira

P: Solicito informações sobre quantidade de consumo de rações para suínos em cada fase de um animal, e detalhes sobre uso de soro de queijo.

R: Solicito a gentileza de dar uma olhada no informativo técnico número 40 (tabela de desempenho de cevados), nesta tabela temos o peso do suíno em cada fase de idade, o consumo de ração por animal por semana e o GPD o ganho de peso diário. Observando que estes dados são para suínos de bom padrão genético, oriundos de programas de melhoramento genético, e para animais com bom status sanitário, e consumindo rações balanceadas de boa qualidade. Poderá ainda ver os informativos mercado 52 (custo de produção de cevado) e ainda o informativo técnico 190 onde temos o consumo de ração por fase e custo de produção e fórmulas de ração que usamos nas nossas granjas.

Com relação a utilização de soro de queijo, temos a seguinte observação: dependendo do tipo de criação de animais (porcos) tipo misto e ou tipo banha, até poderíamos usar soro de leite/queijo, (material oriundo do beneficiamento do leite) misturado ao farelo de arroz e ou farelo de trigo (farelinho) nas fazes de terminação. Mas se trabalhamos com suínos (tipo carne), animais de alta performance e ganho de peso e com melhor qualidade de carcaça, não devemos usar este produto na alimentação (soro de leite) pois além do problema de baixo desempenho, teremos uma carcaça de pior qualidade, e ainda corremos o risco de contaminações nas criações de suínos.


<--Voltar