19/01/2005 -Amauri Gomes: Macapá - AP.

Ouvi falar sobre este sistema de identificação de suínos.

Amigo Amauri, o sistema de identificação de suínos com o sistema australiano, consiste em efetuar marcas ( piques e furos ) nas orelhas dos animais conforme a demonstração nas figuras abaixo.

  Os leitões são marcados para facilitar o manejo, e identificação, o lote, e para efeito de registro.

 Para efetuarmos o processo de marcação australiana, precisaremos dos seguintes materiais: Bandeja cirúrgica ( pode ser uma forma de bolo retangular, rasa, de alumínio, ou ainda uma marmita, Alicate de marcação australiana, desinfetante ( iodo ).

O ideal e efetuar a marcação australiana na hora do nascimento, podemos usar alguns critérios:

Marcar todos os leitões, 1, 2, 3, 4, ..... etc. usando uma numeração seqüencial, exemplo o ultimo leitão marcado ontem foi o 137, o próximo que nasceu hoje será o 138, 139 ... ... ...  .

Marcar somente as leitegadas ( cada ninhada ), onde todos os leitões (irmãos), terão o mesmo número.

Marcar todos os leitões nascidos nesta semana com um só número, exemplo, hoje é dia 19/01/2005 a marcação seria 4  que representa a quarta semana do ano, e assim todos os leitões nascidos na próxima semana seria todos número 5.

Poderemos ainda convencionar outros sistemas, lembre sempre que a marcação australiana poderá ter algumas limitações, pois como é um sistema de piques e furos e temos um espaço limitado nas orelhas dos animais, podendo chegar até o número 1599.

Recomendações:

Não devemos fazer mais que um furo no centro de cada orelha.

Não fazer mais que três piques em cada borda da orelha, e não fazer nenhum pique na outra borda da mesma orelha.

Sempre marque em papel e confira, com antecedência o número que será marcado para evitar erros.

Após a marcação desinfete o local com Iodo.

Veja também na seção CONSULTAS ON – LINE,  o assunto:

IDENTIFICAÇÃO DE SUÍNOS.


<--Voltar