21/04/2010 – Volmir Roque Cararo (Nutrifarma) - Concórdia – SC

 

P. Gostaria se possível ter maiores informações sobre canibalismo em leitões de creche.

Estou com uma ocorrência em uma granja e necessitaria de maiores informações e algum auxilio em solução.

 

R. A ocorrência de canibalismo em leitões na creche, não é muito comum, mas normalmente o canibalismo e MULTIFATORIAL , normalmente quando temos a incidência desta anomalia, pode ter certeza que temos diversos fatores contribuindo.

 

Veja :

 

Formula da ração, Mistura homogênea, Milho excessivamente fino, Uso de antibióticos, antagônicos, entre medicamentos que está no NÚCLEO e medicamentos adicionados na granja; Lotação; Bebedouros insuficientes, Água quente nos bebedouros; Válvula dos bebedouros enroscadas, com sujeira; Quantidade de comedouros insuficientes, Correntes de ar no ambiente; Formação de gases; Excesso de luminosidade, Umidade muito alta, Creches muito abafadas; Manejo inadequado no momento da desmame, Agrupamento de lotes, Status  sanitário; Manejo inadequado na fase de maternidade, pode ocasionar, canibalismo na creche; Animais agressivos; Deficiência e ou excesso de cálcio na ração; Rações com Proteína Bruta muito alta; Leitegadas muito grandes; Muito Barulho no ambiente, excesso de movimentação, manejo, e entrada e saída freqüente de pessoas estranhas à granja, dentro da creche, Qualidade da água; Falta de estimulo de consumo de ração pré-inicial ainda na maternidade; Dieta seca no momento pós desmame.

 

Veja ainda na seção INFORMATIVOS TÉCNICOS,  o assunto: 21 Canibalismo entre suínos.


<--Voltar